Notícias

Ver notícia

Você sabia que o Brasil bateu, nessa semana, a marca de 1 milhão de casos de dengue somente em 2024? Esse tem sido um dos maiores problemas de saúde pública no país nesses primeiros meses do ano. Muitos são os fatores apontados pelo Ministério da Saúde para o aumento assustador de casos de dengue, mas um deles é o relaxamento nas medidas de prevenção à proliferação do Aedes aegyptis – o mosquito responsável pela transmissão da dengue, especialmente as caixas d’água sem tampas.

Mesmo com as orientações já conhecidas de todos, muitas pessoas resistem em realizar a vedação da caixa d’água. Por causa das chuvas e dos ventos fortes, mais tampas têm se soltado. Mesmo assim, os proprietários de diversos imóveis, não têm o cuidado de colocá-las no lugar.

A higienização da caixa d’água e o seu tamponamento de forma correta evitam a proliferação do Aedes, chikungunya e zika vírus. Além dessas doenças, esse descaso pode resultar em gastroenterites, hepatite A e leptospirose, entre outras.

Esses cuidados são extremamente importantes para garantir o armazenamento correto da água a ser utilizada no consumo de casas e prédios comerciais ou residenciais. Além da vedação, para manter a boa qualidade da água e garantir que ela fique livre de impurezas, também é indicado é que a limpeza seja realizada de seis em seis meses.

IMPORTÂNCIA DA CAIXA D’ÁGUA

Há dez anos, a concessionária Águas de Matão atua no município sempre atenta em levar o melhor serviço de abastecimento de água à população. Para que o sistema de distribuição garanta água nas torneiras ininterruptamente, a concessionária orienta que todos os imóveis, residenciais ou comerciais, tenham uma caixa d’água interna. Mas você sabe por que a caixa d’água é tão importante?

Segundo o coordenador de Operações e Serviços da Águas de Matão, Luciano Rodrigues, a concessionária tem estrutura completa para garantir que a água seja distribuída com qualidade e regularidade. No entanto, podem acontecer situações em que são necessárias algumas intervenções no sistema. Neste sentido, a caixa d’água é também uma importante ferramenta para atender essa demanda na rotina do usuário, por exemplo, durante a execução de um procedimento. “O dispositivo é uma alternativa que contribui muito para garantir a continuidade do abastecimento nos imóveis”, diz Luciano.

Para a definição da necessidade de armazenamento de cada imóvel, deve-se calcular o consumo individual de cada morador e somar os resultados obtidos. A estimativa é que uma pessoa utiliza cerca de 150 litros de água por dia. Logo, em uma residência com cinco pessoas, em que o uso total seria de 750 litros de água, recomenda-se a instalação de reservação com capacidade de 1.000 litros.  Para a instalação, recomenda-se que seja implantado em um ponto elevado do imóvel para que a água tenha pressão e velocidade o suficiente para percorrer a tubulação, obedecendo as condições estruturais de cada imóvel.

Para assegurar a segurança sanitária e evitar riscos de contaminação da água por bactérias, agentes poluentes e germes nocivos, é imprescindível que o armazenamento seja feito de forma adequada, com vedação do dispositivo com tampa, além da realização de procedimento de manutenção e limpeza, a cada seis meses.

 COMO FAZER A LIMPEZA

– Feche o registro de entrada. Depois reserve parte da água do reservatório e deixe um pouco de água dentro da caixa para ser utilizada na limpeza;

– Inicie a limpeza com um pano e esponja macia para lavar o fundo e as paredes internas do reservatório. Depois, descarte a água suja;

– Deixe encher a caixa d’água e feche o registro de entrada. Adicione água sanitária – para cada 500 litros, coloque 10 colheres de água sanitária e deixe esta mistura agir por duas horas. A cada 30 minutos, com o uso de um pano, passe a solução nas paredes internas e na tampa da caixa d’água;

– Ao final das duas horas, abra os registros de saída, como torneiras e descargas para que a solução contendo água sanitária limpe a tubulação de saída. Após descartar toda a água, feche todas as saídas e abra o registro de entrada para encher a caixa d´água;

– Lembre se: mantenha a tampa da caixa d’água sempre fechada para evitar sujeira, entrada de animais e criação de focos de dengue.

Quem somos

Águas de Matão

A Águas de Matão é uma empresa da Aegea Saneamento, líder no setor privado no Brasil. A empresa iniciou suas atividades em fevereiro de 2014 com o desafio de garantir a regularidade do abastecimento, reduzir os índices de perdas e melhorar a qualidade da água que chega à casa do matonense.

Saiba mais em www.aguasdematao.com.br

Aegea

Criada em 2010, a Aegea é líder no setor privado de saneamento básico no Brasil. Em cada município onde atua leva mais saúde e qualidade de vida para a população, respeitando sempre o meio ambiente e a cultura local. Hoje são mais de 31 milhões de pessoas atendidas em 505 cidades de 14 estados, de norte a sul do Brasil.

Saiba mais em https://www.aegea.com.br

Compartilhar:

Veja Também

Revista Aegea Saiba mais
Revista Aegea

Faça o download da Revista Aegea e fique por dentro das novidades que acontecem na empresa.

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Águas de Matão e saiba mais sobre abastecimento, obras, programas e projetos.

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.