Notícias

Ver notícia

A concessionária Águas de Matão realiza investimentos constantes em infraestrutura, tecnologia e na qualificação de suas equipes para manter o abastecimento contínuo de água de qualidade no município, processo que envolve a captação de águas subterrâneas – do Aquífero Guarani, o tratamento e a distribuição à população.

Porém, de acordo com o coordenador de Engenharia e Operações da Águas de Matão, Robson Moreira, existem casos pontuais nos quais a rede de distribuição de água precisa passar por manutenção, com intervenções como melhorias, reparos e outras ações. “Principalmente em dias de manutenções emergenciais e/ou serviços programados do sistema de abastecimento, o reservatório, popularmente conhecido como caixa d’água, é um dispositivo imprescindível para assegurar a continuidade da oferta de água nos diferentes tipos de imóveis, como residenciais, comerciais, empresarias e industriais”, afirma Robson.

E para garantir a saúde dos consumidores, são necessários alguns cuidados com a caixa d’água como, por exemplo, a correta instalação, o armazenamento seguro da água e a limpeza semestral do equipamento.

QUAL O TAMANHO IDEAL DA CAIXA D’ÁGUA?

O volume ideal da caixa d’água, ou seja, sua capacidade de armazenamento, depende da quantidade de pessoas que moram na casa ou de funcionários que trabalham numa determinada empresa. Normalmente, adota-se o consumo diário de 150 litros por pessoa para o perfeito atendimento das necessidades humanas: ingestão, higiene pessoal, lavagem e cozimento de alimentos. Dessa forma, uma família com cinco pessoas consome, em média, 750 litros de água tratada. Neste caso, uma caixa d’água com 1.000 litros (1 metro cúbico/m3) atende perfeitamente esta família em situações de emergência.

Quanto ao local ideal, é importante que o reservatório de água seja instalado em um lugar mais alto do que os pontos de saída de água do imóvel (torneiras, chuveiros, registros). Isso vai assegurar pressão e velocidade suficientes para a água percorrer toda a tubulação e chegar ao seu destino.

A LIMPEZA DA CAIXA D’ÁGUA

Também é aconselhável que a população faça a manutenção e a limpeza das caixas d’água a cada seis meses.  O passo a passo para a limpeza da caixa d’água é o seguinte:

 

  • Feche o registro de entrada de água
  • Reserve uma parte da água da caixa para fazer a limpeza
  • Utilize pano ou esponja macia para limpeza da parede interna da caixa d’água
  • Depois, descarte a água suja
  • Encha o reservatório e, logo em seguida, feche o registro de entrada (normalmente próximo ao hidrômetro)
  • Adicione água sanitária e deixe esta solução agir por duas horas (Medida: para cada 500 ml de água adicione 10 colheres de água sanitária)
  • A cada 30 minutos, com o uso de um pano, passe a solução nas paredes internas e na tampa da caixa d’água
  • Após as duas horas, abra os registros de saída – como torneiras e descargas de vasos sanitários – para que a solução contendo a água sanitária limpe a tubulação até os pontos de saída
  • Finalmente, após o descarte de toda a solução higienizante (água + água sanitária), reabra o registro de entrada de água para o enchimento da caixa.

Dica sanitária importante: mantenha a tampa da caixa d’água sempre fechada para evitar sujeira, entrada de animais e criação de focos de dengue.

 

 

Compartilhar:

Veja Também

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Águas de Matão e saiba mais sobre abastecimento, obras, programas e projetos.

Revista Aegea Saiba mais
Revista Aegea

Faça o download da Revista Aegea e fique por dentro das novidades que acontecem na empresa.

Política de Sustentabilidade Saiba mais
Política de Sustentabilidade

Respeito ao meio ambiente e as pessoas, contribuindo para qualidade de vida e saúde da população onde atuamos.

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.